domingo, 27 de outubro de 2013

~ 31 + notas finais

"E no meio dessa merda toda, de vez em quando, aparece alguém de verdade."


Justin estaciona o carro em parque e Selena dá uma olhada em volta: crianças brincando sobre o gramado verde ou subindo em árvores, adultos sentados em bancos, alguns grupos de amigos sentados no chão, namorados curtindo um tempo juntos... Todos vivendo a vida que cada um tinha.
Selena: E então? Onde é o tal lugar? – ela indaga olhando para Justin, que sorri sem dizer nada, apenas sai do carro, assim com ela.
Justin: Só me siga – ele sai andando na frente e como pedido, Selena o segue.
Eles andam até onde havia uma aglomeração de árvores do parque e ali era visível uma trilha, por onde o garoto loirinho entra com ela logo atrás. Eles caminham pelo pequeno espaço até o sim da trilha, onde chegam a um tipo de estradinha de terra que logo a frente depois de uma parte gramada havia um riacho de água perfeitamente clara e ainda do outro lado havia um morro com algumas flores que no topo se avistava uma casa feita de grandes janelas de vidro.
Selena: Nossa – ela olha tudo encantada. – Detalhe: Quem mora naquela casa?
Justin: Bem... – ele limpa a garganta. – Não faço ideia.
Selena: Não estamos invadindo o terreno de alguém, estamos? – ela encara seu amigo.
Justin: Não, claro que não. – Ele desvia o olhar e já ia andando calmamente quando a morena o puxa pelo braço. – Ok, ok. Essa parte que estamos pertence à família que mora aí, mas eles estão viajando pelo que sei...
Selena: Você é doido – ela ri e revira os olhos.
Ele sorri feliz por ela não ter ficado brava, o que significava que ela era maluca tanto quanto ele. Justin pega em sua mão e a faz atravessar o gramado com ele, os dois então se sentam na beira da água. Onde se dava para enxergar pequenos peixinhos e as pedras no fundo do rio. Tudo era perfeitamente calmo.
Selena: E agora o que pretende fazer? – ela o olha e Jus a olha confuso. – Qual é, está na cara que não me trouxe aqui só para olharmos para alguns peixinhos coloridos...
Justin: Já me conhece tanto assim? – ele sorri de canto de boca. – Mas você tem razão, pretendo te beijar agora.
E é o que faz. Ele coloca seus lábios contra os dela, iniciando um beijo calmo e até romântico, então a puxa para seu colo, envolvendo sua cintura com os braços, Selena envolve seu pescoço e os dois aprofundam o beijo. Justin desce a mão para a bunda de Selena, que para o beijo.
Selena: Tira a mão da minha bunda idiota – diz com os lábios ainda encostados nos dele.
Justin: Vou tentar – resmunga e volta a beijá-la, mas para novamente com um sorriso no rosto.
Selena: O que foi? – ela ergue uma sobrancelha, ele tinha cara de quem teve uma ideia.
Justin: Sel, você quer namorar comigo? – ele pergunta a olhando nos olhos, a morena o encara séria por alguns instantes, estática, mas então começa a rir. – Ei! Eu to falando sério! – ele protesta.
Selena: Você não tá brincando mesmo? – ela para de rir o analisando.
Justin: Vai dizer que você não percebeu a química que rola entre a gente? – sorri presunçoso.
Selena: Bobo – ela sorri e o dá um selinho. – Eu aceito ser sua namorada.
Justin: Tá falando sério ou eu posso começar a rir?
Selena não o responde apenas o abraça e põe seu peso para cima dele fazendo-o deitar de costas na grama e ela por cima.
Selena: Acho que podemos tentar - sussurra.

Com Vanessa
Á noite

Vanessa estava sentada em uma das banquetas altas daquele bar que já estava cheio de gente de todos os tipos, dançando e se agarrando nos cantos enquanto a música alta tocava, mesmo sendo Domingo o lugar encheu como sempre.
Jack pegou um saquinho no bolso e derramou o conteúdo sobre a bancada: um pó branco, logo entregou um tipo de canudo curto feito de papel para Vanessa, que sorriu em resposta e ajeitou uma parte da cocaína, nada muito exagerado, então aspirou, e voltou a entregar o rolinho de papel para seu amigo, que fez o mesmo que ela, terminando com o restante.
O prazer começou a percorrer o corpo de ambos, uma sensação relaxante foi proporcionada, o ritmo cardíaco aumentou e Vanessa começou a se sentir eufórica, então se virou e foi para o meio de todos, começando a dançar, era como se ela visse as coisas passar mais lentamente, mas era alucinante.
E então subiu em uma das mesas dispostas do Aldo direito e dançou ali mesmo, como várias pessoas olhando a gritando, tanto homens como mulheres, outras garoas subiram nas outras mesas, todos dançando ao ritmo entorpecente da música.
Depois de duas músicas alguém pegou no braço de Vanessa a fazendo olhar para baixo:
Xx: Desça! – ordenou a mulher loira.
A morena revirou os olhos e fez o que lhe foi mandado, percebeu que Megan estava ao lado de Gwyneth.
Vanessa: O que foi dessa vez Gwen? - cruzou os braços.
Gwen: Você vai vir comigo, agora! – ela disse um pouco mais alto para que ela escutasse e então pegou Vanessa pelo braço, assim como Megan.
Vanessa: Será que agora nem me divertir eu poço? – reclamou enquanto era arrastada até o fim do bar, onde havia uma escada que levava há um corredor com alguns quartos e no final do mesmo havia uma porta maior que as outras, onde Gwen abriu com sua chave e entrou com as garotas, logo a fechando.
Elas estavam em um escritório, onde as contas do lugar eram fechadas e pedidos de bebidas e o que fosse eram feitos.
Megan: Não sei por que me arrastou junto para cá, eu tenho que trabalhar esqueceu? – ergue as sobrancelhas.
Gwen: Você é minha filha, sou a dona do lugar, você faz o que eu mando – ela anda até uma outra escadinha no canto da sala. – Venham.
As três sobem, chegando a um apartamento.
Vanessa: Você devia parar de tentar agir como minha mãe – ela diz com a voz meio lenta.
Gwen: Não vou parar com isso, seu pai não presta e sua mãe não está aqui para cuidar de você – ela vai à cozinha e pega um copo de vidro, coloca água e açúcar e pega um potinho de comprimidos que havia em cima da bancada, ela tira um redondinho e entrega a Vanessa. – É  para dormir e evita enjoo, você vai precisar, amanhã você tem que ir para a American High.
Vanessa engole o comprido e toma todo o líquido, embora não gostasse que mandassem nela, Gwen se preocupava com ela, já fora melhor amiga de sua mãe, até ambas seguirem caminhos diferentes.
Megan: Eu a levo amanhã de carro – sorri de canto. – Pode dormir no meu quarto, a cama é grande e cabe nós duas.
A mãe dela sorri para a mesma, então as duas jovens sobrem as escadas e entram em uma das portas que levava ao quarto de Megan. A mais velha abre seu closet e tira dois pijamas, toca um na cara de Vanessa que estava sentada na cama. Então elas se vestem.
Vanessa: Apesar de tudo sua mãe é legal – ela comenta meio sonolenta e se escora em um travesseiro.
Megan: Ela é mandona, isso sim – sorri e se senta ao lado da amiga. – Ela se preocupa com você, e eu também.
Vanessa: Não há motivos para isso – ela olha para Megan e boceja. – Mas é bom saber que no meio dessa merda toda que é minha vida, de vez em quando, aparece alguém de verdade... Você sabe.
Megan: Eu sei que sou especial – as duas riem e ela se aproxima de Vanessa, que não exita, apenas fecha os olhos e deixa seus lábios serem tocados pelos da garota. 

Continua.

Que vergonha gente! Faz um tempão que eu não posto! Sinto muito muito muito mesmo! Mas eu estava em época de provas, mais trabalhos e mais a preguiça que não ajuda em nada '-' Mas está aí, nãos sei se vocês vão gostar desse capítulo, já que está uma merdinha uhsuahsua' Mas em fim, novamente peço perdão por um século de demora e é isso meus amores. Vou tentar postar mais rápido, já que essa semana tem conselho de classe aí a gente sai mais cedo das escola, então eu posso tentar escrever de manhã... Eu disse tentar! aushauh' Eu tenho uma pergunta: vocês querem que eu volte a colocar gifs nos capítulos? Antes eu colocava, nem sei porque parei aksjkajskaj' E sim, a Vanessa é lésbica, tipo a Emily u-u Viram, eu mudei o Lay, tava enjoada daquele outro, esse é bem simples e talvez até temporário, quem sabe daqui uma semana eu mude se achar outro aushuashu' Em fim, era isso.

Beijos gatas <3



6 comentários:

  1. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!!VOCÊ VOLTOU!!!!!!!!!!
    Cara vc não faz ideia do quanto senti sua falta bjs gata posta logo

    ResponderExcluir
  2. Helloo..
    Amei o capituloo..
    Own, Justin seu fofoooo..*-*
    hahaha..
    Giiiif..SIIIM..hahaha.\o/
    Posta Logooo
    s2

    ResponderExcluir
  3. achei que seria nelena no inicio :/ fiquei até desanimada de ler agora, eu realmente amo nelena.

    ResponderExcluir
  4. Hoooy minha gatcheenha diwa!
    Poha, que saudade de vc, tanto eu quanto vc sumidas, isso n dá certo!! Hauauahauahahaha
    E aí, novidades?? Eu digamos que tô em semana de provs e parece que vou pegar minha primeira rec, tô revolts!! (praq fisica existe, hein??)
    Enfim, muito divosa essa foto, cabelo diwo *---* e amei o lay tbm hauhahauahs'
    Aiin que meigos Jelena *~~*
    "Sel, namora comigo?" --> morri :3
    Vanessa à La Emily hauhauaha'
    Não pensei que ela fosse lésbica, mas apoio a decisão dela, a vida é dela haha'
    Amei o gif!!
    Enfim, desculpe pela merdinha de comentário, é que tô no cel e daqui a pouco tenho ballet =p
    E sim, ESTOU VIVA O/
    Agora vou indo, bora comer correndo pra ir no ballet e dps estudar port e literatura =\
    Beeeijos, love ya gata :*

    ResponderExcluir
  5. justin nunca deixa de ser fofo c:
    amo jelena cara, amo ♥
    sou a favor dos gifs ksjdfhds fica tao legal a história com gifs <3
    enfim, posta logo gata!
    bjs2'

    ResponderExcluir